10/09/2019
Gabriela Vizine

A sessão 57 da câmara dos vereadores de Paranaguá foi realizada mais uma vez na sede do Instituto
Paranaguá Previdência nesta segunda-feira, 09. O encontro contou com a participação da população
e imprensa em uma reunião tranquila.

Com apenas um item na pauta, a sessão foi sucinta e levou menos de uma hora. Na reunião, foi
aprovada a votação do projeto de decreto legislativo que rejeita as contas do poder executivo
municipal de 2012, ano de governo do ex-prefeito Baka. Segundo o Tribunal de Contas do Paraná, o
exercício financeiro daquele ano apresentou 4 irregularidades: aumento de despesas nos últimos
dias de mandato, falta de inscrição de precatórios na dívida fundada, déficit na obrigação financeira
frente as disponibilidades e falta de aplicação de 60% dos recursos do Fundeb.

Dos 19 vereadores, 3 estavam ausentes no plenário e os outros 15 votaram sim ao decreto, ou seja,
favorável ao parecer técnico que reprova as contas municipais de 2012.

Gabriela Vizine




Deixe o seu comentário