Prefeito Marcelo Roque assinou o documento para contratação de clínicas veterinárias. Tutores poderão se cadastrar para participar do programa

A Prefeitura de Paranaguá por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma) tem realizado um trabalho intenso com ênfase na qualidade de vida dos animais em Paranaguá com atendimento ambulatorial veterinário gratuito na sede da secretaria e com o Semma Móvel que todas as semanas segue para bairros, levando a atendimento para mais perto dos cidadãos parnanguaras. 

Na tarde deste sábado, 11, foi assinado o documento para contratação de clínicas veterinárias para realização de esterilização de cães e gatos, machos e fêmeas e assinada a Lei n.º 3.820 que regulamenta o programa de castração.

Além disso, diariamente a Semma recolhe animais vítimas de maus tratos que recebem todo o atendimento até que possam seguir para um novo lar. “Hoje são três veterinários, temos atendimento diário na Semma e nos bairros com o Semma Móvel. Este ano estamos conseguindo também atender algumas ilhas e vemos que a população tem aprovado esse trabalho”, ressalta a diretora do Departamento Veterinário, Elen Soares.

O prefeito Marcelo Roque assinou o documento para contratação de clínicas veterinárias para realização de cirurgias de castração em cães e gatos, fêmeas e machos. Serão entre 80 a 120 castrações por mês, um total que pode chegar a 1440 no ano. As castrações serão realizadas nas dependências da clínica ou consultório veterinário contratado ou em locais apropriados pertencentes à Administração Pública Municipal. 

“É felicidade imensa. Isso começou em 2013 quando fui secretário de Meio Ambiente e Serviços Urbanos e já havia essa necessidade no município. É inclusive uma demanda judicial pelo Ministério Público devido ao grande número de cães abandonados”, observa o prefeito Marcelo Roque. 

“Naquela época não pude dar continuidade ao meu trabalho por várias questões, mas hoje como prefeito tive essa felicidade com a Câmara Municipal e o vereador Thiago Kutz que é um defensor da causa. Sou apaixonado por animais e vejo este momento como muito importante para as pessoas que amam animais e lutam pela qualidade de vida deles”, ressalta Marcelo Roque.

Por meio da Lei n.º3.820, podem contar com o benefício cães e gatos, machos e fêmeas, em estado de abandono ou pertencentes a pessoas de baixa renda, cadastradas no Cadastro Único da Secretaria Municipal de Assistência Social. 

“Nosso objetivo é controlar a população de cães e gatos que se encontram em situação de abandono e propiciar as pessoas que não teriam condições de arcar com os custos de uma castração e mudar um pouca a realidade que vemos hoje em nosso município”, destaca o secretário municipal de Meio Ambiente, Vinícius Yugi Higashi.

O secretário aproveitou a oportunidade para lembrar que maus tratos e abandono de animais é crime. “Reforçamos que as pessoas que presenciarem atos como esses podem denunciar para a Secretaria Municipal de Meio Ambiente pelo telefone 3420-6058”, enfatiza Vinícius Higashi.

O Programa Municipal de Esterilização de cães e gatos é uma conquista para a causa animal e para a cidade e será ofertado para caninos e felinos com no mínimo 120 dias e no máximo 8 anos de idade em estado de abandono ou pertencentes às pessoas de baixa renda, cadastradas no Cadastro Único da Secretaria Municipal de Assistência Social. “Este é um sonho que está se tornando realidade. Nossa luta de muitos anos. Hoje teremos um controle da natalidade de animais e isso reflete automaticamente na redução de abandonados. Atualmente o grande número de cães e gatos nas ruas se dá porque há mais animais de que pessoas querendo adotá-los. Com o controle, o montante de lares que querem adotar estará mais equilibrado com a quantidade de cães e gatos existentes”, explica o vereador Thiago Kutz. 

Em breve mais informações sobre cadastro e como participar do programa municipal de castração. 

FEIRA DE ADOÇÃO

Durante o evento ocorreu Feira de Adoção de Animais, uma parceria entre a Prefeitura de Paranaguá e a ONG Amigos Protetores. Na oportunidade muitos cãezinhos e gatinhos foram adotados e agora contam com um novo lar.

SECOM



Deixe o seu comentário