Os interessados no certificado do ensino fundamental precisam ter, pelo menos, 15 anos completos na data da prova

As inscrições do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) 2019 começam nesta segunda-feira, 20. A prova aplicada pelo Ministério da Educação (MEC), é gratuita e as inscrições devem ser feitas pela internet, no Sistema Encceja, até 31 de maio. O exame será realizado no dia 25 de agosto, nos turnos da manhã e da tarde, em 611 municípios brasileiros.

Os interessados no certificado do ensino fundamental precisam ter, pelo menos, 15 anos completos na data da prova. Para o certificado do ensino médio, a idade mínima exigida é de 18 anos.

Provas

O Encceja tem quatro provas objetivas, cada uma com 30 questões de múltipla escolha, e uma redação. No nível Fundamental, a avaliação é feita nestas áreas: Ciências Naturais, Matemática, Língua Portuguesa, Língua Estrangeira Moderna, Artes, Educação Física, Redação, História e Geografia. No nível médio, os exames são: Ciências da Natureza, Matemática, Linguagens, Redação e Ciências Humanas.

Novidades

Pela primeira vez, o exame terá uma versão em Língua Brasileira de Sinais (Libras). Quem já teve laudo médico aprovado em outras edições não precisa apresentar novo laudo durante a inscrição. Participantes surdos, deficiente auditivos e surdocegos devem indicar, durante a inscrição, se usam aparelho auditivo ou implante coclear. Outra mudança é a necessidade de justificar o motivo da ausência na edição passada.

Enem

O novo presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Alexandre Ribeiro Pereira Lopes, informou na sexta-feira, 17, que o cronograma do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano está mantido.

"O cronograma está mantido e tanto o Inep quanto o Ministério da Educação vão trabalhar juntos para que tudo ocorra com tranquilidade, para que o exame seja aplicado este ano dentro da normalidade", disse, em vídeo pelo MEC.

Os estudantes têm até o dia 23 de maio para pagar a taxa, no valor de R$ 85. Mais de 6 milhões se inscreveram para fazer a prova.




CURTA O NOSSO PARANÁ NO FACEBOOK

SIGA-NOS NO INSTAGRAM
@nosso_pr

Deixe o seu comentário