O investimento, que conta com o aporte da TCP e apoio da Fundepar, é uma demanda antiga da comunidade
Assinatura simbólica da documentação de transferência para início das obras (foto reprodução)

Em junho, a TCP assinou a documentação de transferência para o início da construção da Escola Estadual Antônio Paulo Lopes, na Ilha do Amparo, em Paranaguá. A partir desta assinatura simbólica, os alunos da comunidade poderão contar com uma escola nova ainda este ano.

A obra acontece em parceria com a Fundepar (Instituto Paranaense de Desenvolvimento Educacional) e Governo do Estado. A TCP dará o aporte de cerca de R$ 300 mil para o custeio total da construção.

De acordo com a diretora da escola, Cecília do Rocio Correa, a nova instituição de ensino é a concretização de um sonho antigo da comunidade, que foi conquistado após muitas lutas. “Agora os estudantes terão aulas em uma estrutura física adequada, protegidos do frio, do vento e da chuva, prestarão mais atenção nas aulas e não precisarão se deslocar até a cozinha comunitária para fazerem os lanches,” explica.

A escola contará com 73,25 m², uma sala de administração, duas salas de aulas, uma cozinha, além de sanitários masculinos e femininos com acessibilidade. De acordo com o diretor comercial e institucional da TCP, Thomas Lima, “a iniciativa busca eliminar as dificuldades de acesso à educação básica. Queremos incentivar, cada vez mais, a permanência dos jovens nas escolas e no litoral do Paraná e para isto investimos em educação”.

da Assessoria



Publicidade

Deixe o seu comentário