Nesta mudança o relógio atrasa, ou seja, “ganhamos” uma hora!

A 44ª edição do horário de verão brasileiro termina no fim de semana do dia 16 para 17 de fevereiro. À meia-noite do dia 16, os relógios devem ser atrasados em uma hora, voltando para 23 horas. O horário de verão teve início no dia 4 de novembro, quando os relógios foram adiantados em uma hora a partir da meia-noite.

O horário de verão tem como objetivo reduzir a demanda por energia no sistema elétrico durante horário de pico, entre 18 e 21 horas.  Antes do início da edição 2018/2019 a Copel estimava conseguir alívio de carga de 4,5% no consumo simultâneo de energia nesse horário.

O horário de verão é adotado no Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e no Distrito Federal. 




Deixe o seu comentário