Por meio de chamamento público as entidades foram habilitadas para receber o repasse financeiro
PMP

Na tarde desta segunda-feira, 04, o prefeito Marcelo Roque, assinou o convênio que garante o repasse financeiro para seis instituições filantrópicas da cidade, que trabalham com a educação infantil e o ensino especial.

Ao longo da atual gestão o repasse de verbas para essas entidades tem aumentado. Em 2017 foram R$ 1,4 milhões, em 2018 aproximadamente R$ 2 milhões e agora, em 2019, a destinação financeira supera os R$ 2,2 milhões.

“Esse dinheiro vem para ajudar aos profissionais e as entidades que são o braço direito da educação, prestando um excelente serviço para a comunidade parnanguara”, declara o prefeito Marcelo Roque.

Todas as entidades beneficiadas participaram do processo de chamamento público. A secretária de Educação e Ensino Integral, Vandecy Dutra, elogia os serviços desenvolvidos. “Os atendimentos dessas instituições são de suma importância, pois trabalham prioritariamente com a educação infantil e o ensino especial, sendo nossos parceiros neste trabalho fundamental”, ressalta.

Cláudia Valéria Lopes e Silva, diretora da APAE de Paranaguá, afirma que convênio vai de encontro com várias necessidades da instituição, haja visto que é a única entidade da cidade que atende crianças de zero a seis anos na educação especial. “O atendimento que nós oferecemos é diferente do ensino comum e a demanda tem crescido muito. Precisamos de equipamentos e profissionais especializados, sendo preciso muito investimento para melhorar a qualidade dos serviços ofertados aos alunos”, comenta.

Foram beneficiadas seis entidades, são elas: Associação de Colaboradores da Escola de Deficientes Auditivos de Paranaguá (Aceda), Centro de Educação Infantil Rainha da Paz, Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Paranaguá (Apae), Centro de Estudos Espíritas Dr. Leocádio José Correia, Associação Assistencial Nossa Senhora do Rosário e o Centro de Educação Infantil Perseverança.

SECOM


Deixe o seu comentário